quarta-feira, 8 de julho de 2020

Smartphones da Samsung podem passar a ser vendidos sem carregador



Quando você compra um smartphone, é natural esperar que o carregador do aparelho venha junto com ele na embalagem. No entanto, parece que estamos caminhando para um futuro onde isso não será mais comum. De acordo com relatos da Coreia do Sul, os futuros telefones da Samsung podem ser vendidos sem carregador.

A Samsung vende centenas de milhões de smartphones todos os anos. Eliminar o carregador de todos eles resultará em uma grande redução de custos para a empresa. Isso também pode permitir que a companhia torne seus aparelhos mais acessíveis, reduzindo seu preço final e disputando mais agressivamente sua fatia no mercado.

De acordo com o site SamMobile, especializado em notícias da Samsung, os planos da empresa de excluir os carregadores em alguns celulares estão sendo discutidos. Caso isso se concretize, podemos ver os primeiros smartphones Samsung sem carregador na caixa já a partir de 2021.

Isso tudo pode parecer estranho, porque os carregadores são elementos essenciais para os aparelhos celulares. Até mesmo os dispositivos mais acessíveis vêm com um carregador na caixa. Antigamente, cada empresa tinha um slot de carregamento próprio, ou seja, você não podia carregar um celular Samsung com um carregador da Motorola. Atualmente, todos os fabricantes Android usam conectores do tipo USB-C, permitindo que um dispositivo da Nokia seja abastecido com um carregador da OnePlus sem problemas.

Obviamente, a Samsung continuará vendendo os carregadores como acessórios oficiais, ainda que não venham mais na companhia de um smartphone. Por mais baratos que sejam, muitas pessoas não gostam de adquirir acessórios de terceiros.

Redução de custos

Ainda não sabemos se a redução de custos da remoção dos carregadores será repassada aos clientes como preços mais baixos para os smartphones. Isso pode acabar sendo apenas uma forma de aumentar a margem de lucro das vendas, algo que a Samsung já faz: muitos de seus telefones básicos são fornecidos sem fones de ouvido, por exemplo.

Mas a Samsung não é a única empresa pensando nisso. Recentemente, surgiram indícios de que a Apple pretende fazer o mesmo e não incluir carregadores na caixa dos iPhones 12. Além do aparelho, tudo o que o usuário vai encontrar na embalagem é um cabo USB para conectar o smartphone a um computador. O carregador do novo modelo, com potência de 20 Watts (superior aos 18 Watts do modelo atual) será vendido separadamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário