sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Live com Antonio Neto sobre a Campanha Salarial 2018 alcança mais de 3,3 mil pessoas. Assista!

via Sindpd

Na noite desta quinta-feira (16), o presidente Antonio Neto esteve ao vivo em uma live do Facebook para debater as principais reivindicações para a Campanha Salarial 2018 e como os profissionais podem se defender das novas regras impostas pela reforma trabalhista.

A ação Face to Face com Neto, que alcançou mais de 3,3 mil pessoas e teve mais de 1,4 mil visualizações, é uma série que estimula a participação da categoria nas negociações do Sindicato junto ao patronal, além de um momento de conversa para que os trabalhadores tirem suas dúvidas e sugiram estratégias de reivindicação.

Na live, o presidente comentou sobre as dificuldades que o Sindpd vai enfrentar na negociação da Convenção Coletiva de Trabalho do Sindpd em 2018 depois da aprovação da reforma trabalhista. "Teremos uma campanha mais complicada, porque houve a mudança na legislação trabalhista. Somos uma das poucas categorias que têm jornada de trabalho de 40 horas semanais, adicional de hora extra de 75% nas duas primeiras horas e 100% nas demais horas, auxílio-creche, vale-refeição e PLR. O Sindpd está trabalhando para a representação que os trabalhadores exigem nesse novo momento. E é por isso que precisamos da sua participação nas assembleias e mobilizações", afirmou Neto.

Durante a transmissão, os internautas podiam enviar perguntas pelo Facebook e o Whatsapp do Sindicato - (11) 97074-4878. Luiz Júlio perguntou ao presidente se os trabalhadores correm o risco de perder o seguro-desemprego com a reforma. Em resposta, Antonio Neto alerta que os celetistas não perdem, mas a categoria que não faz parte desse regime deve ficar atenta. "Quem é celetista tem direito a seguro-desemprego normalmente. Mas se você tem contrato de trabalho intermitente, isso não permite que tenha seguro-desemprego e caso haja uma demissão acordada entre você e o patrão, prevendo que o trabalhador abriu mão desses direitos", afirmou Neto.

Sobre o trabalho intermitente, Neto disse que o regime não cabe ao setor. "O trabalho intermitente é fruto de um acordo de empresários brasileiros que querem infelicitar o trabalhador. Mas no setor de TI não acreditamos que efetivamente exista essa possibilidade. O patronal vai ter que mostrar onde isso cabe, mas vamos enfrentá-los, porque independentemente da Lei, podemos negociar a relação capital-trabalho com parâmetros mais justos".

A internauta Susi Ribeiro também tirou suas dúvidas sobre a realização das atividades insalubres para gestantes. O presidente falou sobre a MP 808 - publicada em 14 de novembro e que alterou alguns pontos da Lei 13.467 -, que garante às gestantes o afastamento das atividades insalubres imediatamente. Porém, advertiu que tem medo de que o Congresso possa voltar à situação anterior, prevista na reforma trabalhista.

Daniel de Jesus também participou da conversa para esclarecer se o profissional de TI ainda deve homologar no Sindpd. Em resposta, Neto salientou que é necessário aguardar as negociações. "Duas coisas você precisa pensar: a primeira é que vale a Convenção Coletiva até 31 de dezembro, ou seja, não existe mudança para a categoria. A partir daí vamos negociar a homologação com o sindicato e incluir na nova CCT, porque isso também é de interesse do patrão por conta da eficácia liberatória".

Na conversa, o presidente do Sindpd falou também sobre o lançamento da Campanha Salarial 2018 e convidou os associados para a 21ª SindpdFest, que acontece no dia 26 de novembro, no Clube Juventus, em parceria com a Nativa FM, a partir das 14 horas. Clique aqui para fazer a sua inscrição.

"Vamos negociar ganho real e fazê-los entender que os trabalhadores precisam de todas as condições de trabalho, além de uma remuneração digna. É um momento de alegria, porque temos mais um ano para lutar pelos nossos direitos. A união da categoria em 2018 será fundamental após a aprovação da reforma trabalhista. É por isso que contamos com todos", concluiu Neto. Após cada rodada de negociação, Antonio Neto fará uma live com a categoria para debater a pauta discutida na mesa. Curta a página de Antonio Neto para participar.

Assista abaixo à íntegra da live desta quinta-feira:

Nenhum comentário:

Postar um comentário