quarta-feira, 30 de agosto de 2017

O trabalho autônomo precariza as relações entre patrão e empregado; saiba como se proteger

O trabalho autônomo implantando pela reforma trabalhista retira do trabalhador a definição de empregado, mesmo que ele tenha relação exclusiva e contínua com a empresa. Sem vínculo empregatício, nasce a figura do PJ, que precariza as relações de trabalho.  Antonio Neto explica como os trabalhadores devem proteger seus direitos para evitar retrocessos nas conquistas previstas pela CLT.  Assista ao vídeo e compartilhe em suas redes sociais
via Sindpd

O trabalho autônomo implantando pela reforma trabalhista retira do trabalhador a definição de empregado, mesmo que ele tenha relação exclusiva e contínua com a empresa. Sem vínculo empregatício, nasce a figura do PJ, que precariza as relações de trabalho.

Antonio Neto explica como os trabalhadores devem proteger seus direitos para evitar retrocessos nas conquistas previstas pela CLT. Assista:


Nenhum comentário:

Postar um comentário