segunda-feira, 21 de agosto de 2017

CSB conclama sindicatos de servidores públicos a combater arrocho salarial do governo

CSB conclama sindicatos de servidores públicos a combater arrocho salarial do governo
via CSB

A Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB) convoca todas suas bases e os sindicatos filiados a realizarem uma intensa mobilização em todo o Brasil contra o pacote de arrocho salarial, enxugamento dos serviços públicos e os cortes de benefícios sociais anunciados pelo governo Temer e sua equipe econômica.

É inaceitável que o governo desperdice R$ 15 bilhões para barrar, na Câmara, a abertura de investigação contra o presidente da República, tudo disfarçado em emendas e liberação de recursos para estados e municípios. Igualmente absurdo é o governo abrir mão de R$ 10 bilhões de reais com o alívio nas dívidas dos ruralistas, gastar R$ 100 milhões com propaganda da reforma da Previdência e mais R$ 1,8 bilhão em emendas parlamentares durante a tramitação da reforma trabalhista, para impor um retrocesso nos direitos e decretar o fim da aposentadoria. É inadmissível o governo perdoar uma dívida de R$ 25 bilhões em impostos do Banco Itaú, além de beneficiar deputados e senadores que são devedores históricos de tributos junto à União.

Neste cenário de gastos aviltantes e desperdício, o governo anuncia, de maneira criminosa, um corte de gastos e arrocho salarial, que penaliza a população mais pobre, aqueles que precisam dos serviços do Estado, bem como aniquila investimentos indispensáveis em infraestrutura para que o País saia da crise.

A previsão de déficit – que de 2017 a 2020 ultrapassa R$ 500 bilhões – evidencia a incompetência da equipe econômica do governo em administrar as contas públicas e o sistema econômico do País, jogando o Brasil em política desastrosa de juros altos, recessão e declínio da economia.

Central dos Sindicatos Brasileiros

Nenhum comentário:

Postar um comentário