domingo, 5 de junho de 2016

Lançamento da Chapa 1 reúne mais de 700 trabalhadores de TI e dirigentes sindicais de todo o País

Lançamento da Chapa 1 reúne mais de 700 trabalhadores de TI e dirigentes sindicais de todo o País Sindpd
via Chapa 1 Sindpd

Foi uma verdadeira demonstração de união e força. O lançamento oficial da Chapa 1 para as eleições do Sindpd reuniu mais de 700 pessoas na tarde de sábado, dia 4, em São Paulo, incluindo centenas de trabalhadores, dirigentes sindicais, autoridades políticas e representantes de diferentes categorias profissionais de todo o País.


O elevado número de participantes, principalmente de trabalhadores de TI de empresas públicas e privadas do setor, deixou bastante evidente o grande apoio que a Chapa 1 terá na sua caminhada em busca da vitória até a votação que ocorrerá nos dias 21, 22 e 23 de junho.

Lançamento da Chapa 1 reúne mais de 700 trabalhadores de TI e dirigentes sindicais de todo o País SindpdFoi uma tarde para que os trabalhadores pudessem relembrar as grandes conquistas que a atual diretoria do Sindpd já alcançou, como 32% de reajuste salarial nos últimos quatro anos, a batalha pela implantação da PLR nas empresas, a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais e muitos outros ganhos. Mas foi também uma excelente oportunidade para que a Chapa 1 firmasse um novo compromisso com os trabalhadores: o de que outras lutas ainda serão travadas na defesa de toda a categoria. Para isso, ficou muito claro que nenhum trabalhador quer retrocessos nem entregar o Sindicato nas mãos de pessoas inexperientes.

Avanço sem precedentes

Em um discurso dirigido aos profissionais de TI, o presidente da Chapa 1 e atual presidente do Sindpd, Antonio Neto, foi firme ao lembrar que o Sindicato evoluiu a passos rápidos depois da saída de dirigentes que, no passado, buscaram desequilibrar e trair todo o trabalho de defesa da categoria que vinha sendo feito. São essas mesmas pessoas que hoje lideram a chapa de oposição.

“Alguns falam em mudança. Eu quero dizer para vocês, com muito orgulho, que a maior mudança que essa categoria fez há quatro anos foi botar para correr a cambada de agentes dos patrões que fazia parte do Sindicato”, disse Neto. “Depois que eles saíram, o Sindicato foi catapultado, nunca se trabalhou tanto. Foram mais de 1.200 acordos de PLR só no ano de 2015. Ou seja, quer mudar para melhor? É Chapa 1 na cabeça”, ressaltou.

Trabalho de verdade

Neto também destacou a importância de fazer chegar a todos os sócios do Sindicato informações verdadeiras, que mostrem o empenho com que a categoria vem sendo defendida nos últimos anos. “Está na hora de confirmar aqueles que efetivamente lutam para organizar a classe operária, os trabalhadores e, em especial, os profissionais de tecnologia da informação do estado de São Paulo”, disse o presidente.

Lançamento da Chapa 1 reúne mais de 700 trabalhadores de TI e dirigentes sindicais de todo o País SindpdTambém em discurso durante a festa de lançamento da Chapa 1, o vice-presidente do Sindpd, João Antonio Nunes, falou sobre a satisfação de receber no evento trabalhadores de um grande número de trabalhadores de empresas – profissionais de mais de 40 companhias marcaram presença. “Isso é o reconhecimento ao nosso trabalho, a tudo aquilo que fazemos em benefício da nossa categoria. E fazemos porque acreditamos que é possível a cada momento, a cada instante, melhorar a vida do trabalhador de TI”, ressaltou João Antonio.

O secretário-geral do Sindpd, José Gustavo Oliveira, também não deixou de destacar a grande presença de trabalhadores. Ele disse ainda que a Chapa 1 entrou na disputa com bastante vontade para combater aqueles que buscam apenas denegrir toda a imagem construída com muita luta nos últimos anos. “A presença de vocês aqui nos fortalece cada vez mais. Vamos lutar cada vez mais por essa categoria”, disse.

Apoio de todos os lados

A força da Chapa 1 também ficou evidente no grande número de dirigentes sindicais que vieram a São Paulo de diferentes partes do País para demonstrar apoio.

Lançamento da Chapa 1 reúne mais de 700 trabalhadores de TI e dirigentes sindicais de todo o País SindpdNo mesmo palco, ao lado de Neto e dos demais integrantes da Chapa 1, reuniram-se representantes das mais diferentes categorias, como dos trabalhadores rurais, agentes autônomos do comércio, aposentados, metalúrgicos, movimentadores de mercadorias, empregados domésticos, taxistas, servidores públicos, trabalhadores em vestuários, advogados, agentes penitenciários, funcionários da saúde, contabilistas, químicos, policiais federais, entre outros. Houve ainda apoio de importantes centrais sindicais, como a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), a Força Sindical, a Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST) e a Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), além de autoridades políticas, como vereadores.

Muito mais a fazer

O presidente Antonio Neto encerrou a cerimônia de lançamento da Chapa 1 lembrando que, mais do que discurso, a atual diretoria do Sindicato tem muito trabalho para mostrar. “Vamos para mais um embate, mas muito tranquilos porque temos o que apresentar: aquilo que já fizemos e aquilo que ainda iremos fazer. Acima de tudo, estamos bastante conscientes da necessidade de cada vez mais organizar a luta dos trabalhadores de TI”, afirmou.

Neto também citou que, entre as batalhas que ainda serão travadas, a Chapa 1 buscará a regulamentação da profissão dos trabalhadores de TI, além da construção de um centro de lazer e de um centro de formação profissional para a categoria em São Paulo. “A vocês, trabalhadores de tecnologia de informação, nosso muito obrigado. Sei que posso contar com vocês e tenham a certeza de que também podem contar com a gente”, completou o presidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário