sexta-feira, 18 de março de 2016

Com mudanças, carreira de TI começa a atrair mais mulheres, dizem especialistas

carreira TI atrair mais mulheres tecnologia
via Sindpd

As mudanças na área de tecnologia da informação podem ser uma oportunidade para as mulheres entrarem em um setor tradicionalmente dominado por homens. Facilidade de comunicação, gestão de conflitos e trabalho colaborativo são algumas habilidades comportamentais comumente associadas a mulheres cada vez mais valorizadas no ramo.

"Antes, o profissional de TI trabalhava mais isolado, mais fechado em seu mundo. Isso mudou", diz Tatiana Lorenzi, diretora de desenvolvimento humano e organizacional da Tivit. O que é preciso agora para aumentar o número de mulheres na profissão é atraí-las para cursos em que possam desenvolver as habilidades técnicas básicas, bem como estimular empresas do setor a contratá-las, segundo Leonard Wadewitz, diretor da CompTIA para a América Latina e Caribe.

A CompTIA é uma associação sem fins lucrativos dedicada ao ensino, pesquisa e defesa de políticas públicas relacionadas à tecnologia da informação que tem um programa para estimular a entrada de mulheres na área, o "Advancing Women in IT" (promovendo mulheres em TI, em português).

Vantagens

"Precisamos mostrar em palestras e nas redes sociais as vantagens de trabalhar em TI: não é preciso passar anos em uma faculdade, as vagas estão em todos os ramos da indústria e é um esquema de trabalho flexível, que pode ser feito remotamente", afirma Wadewitz. Para ele, as vantagens valem tanto para homens quanto para mulheres. Não se pode, contudo, esquecer o lado da empresas, que também precisam começar a prestar mais atenção ao número de mulheres em seus quadros, diz Wadewitz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário